fbpx
Tipos de Podcasts mais comuns
DestaqueDicas

Tipos de Podcasts mais comuns

Você sabia que o Brasil ocupa o quinto lugar no ranking mundial de crescimento na produção de podcasts?

Surpreendente né! 😱🤩

O consumo de conteúdos mudou nos últimos anos e o isolamento social provocado pela pandemia acelerou muitos processos e causou verdadeiras transformações. Diante disso, o crescimento dos podcasts se tornou exponencial e expressivo no país. 

Um estudo recente realizado pelas Organizações Globo em parceria com Ibope mostrou que 57% dos brasileiros começaram a ouvir podcasts durante a pandemia. 

Vale ressaltar que a maioria dos consumidores deste tipo de mídia, escutam os áudios realizando outra tarefa simultânea. 

E um dos principais motivos desse crescimento, está relacionado a diversidade de temas. Tem podcast para todo mundo e sobre tudo! Debates políticos, mercado de trabalho, empreendedorismo, feminismo, economia, astrologia, universo nerd, cinema, suspense, ficção científica, são apenas alguns assuntos trabalhados nesse tipo de mídia.

E até as rádios e programas de televisão aderiram ao modelo, hoje é muito comum ver reportagens destes canais serem adaptados para este tipo de mídia. 

Percebendo esse crescimento, as marcas começaram a criar conteúdos para Podcasts, com o objetivo de gerar proximidade, credibilidade e engajamento com a persona. 

E se você está pensando em aproveitar essa oportunidade para divulgar o nome da sua empresa, saiba que existem diversos tipos de programas que podem ser criados para este tipo de mídia.

Veja a seguir quais são eles!

🗣️ Entrevista e Painel 

Tipos de Podcasts mais comuns

Freepik

Esse é o modelo de Podcast mais conhecido e usado pelos criadores de conteúdos. Muito simples de produzir, ele é ideal para quem está começando! 

Para criá-lo basta ter um bom entrevistado, que possa compartilhar experiências e dicas. Mas, para tudo dar certo, é necessário ter um bom planejamento, convidando as pessoas para gravar a participação com antecedência em um horário que seja compatível para todos os envolvidos.  

Esse tipo de formato é excelente para criar parcerias, aumentar a audiência, gerar autoridade e principalmente apresentar algo útil para a sua persona, ou seja, contribuir para resolver uma “dor” dela. 

No entanto, tome muito cuidado para não perder o FOCO sobre o seu ASSUNTO principal. 

Vale ressaltar que quando o Podcast recebe mais de um convidado falando sobre um tema em comum, trata-se de um PAINEL.

Neste modelo, é necessário ficar atento ao uso dos microfones para garantir uma qualidade de áudio eficaz. Caso contrário, será um grande problema na hora da edição. 

👩🏽‍💻 Apresentadores Fixos

Como o próprio nome já sugere, neste Podcast há apresentadores fixos na bancada que conversam sobre temas relacionados ao assunto principal do programa. 

Mas, aqui não há convidados como no formato em painel! São sempre os mesmos participantes que geralmente se conhecem e interagem de forma leve e natural, tornando a conversa sobre qualquer tema interessante e dinâmica. 

Para facilitar na hora da gravação, procure criar um roteiro base sobre tudo o que vai ser falado no Podcast e deixe perguntas e chamadas para ação de divididas para cada apresentador, isso irá ajudar muito! 

🎙️ Individual

Se você é desinibido e gosta de falar em público ou tem dificuldades em reunir convidados ou mais apresentadores, esse modelo pode ser uma boa alternativa. 

Nesse Podcast, uma única pessoa aborda o tema do programa. Aqui o roteiro, mencionado anteriormente, é fundamental! Escreva tudo o que você pretende falar de preferência em tópicos para dar mais ritmo ao conteúdo. Nada de ficar lendo tudo de forma sem graça, hein! 🙃

Para deixar o áudio mais dinâmico, procure usar recursos como: vinhetas, sons de background e até músicas. 

📄 Storytelling 

Todo mundo gosta de ouvir uma boa história, não é mesmo?

Esse formato atrai muito a audiência pela construção da narrativa que gera curiosidade. 

Aqui o que manda é a criatividade! Você pode usar histórias de ficção ou criar enredos baseados em fatos reais. 

A principal diferença entre o storytelling e as entrevistas é o roteiro preciso, sem a interferência de discussões ou opiniões pessoais dos participantes. Dessa forma, o enredo é construído apenas com os personagens. 

No entanto, muitas pessoas acreditam que este modelo de Podcast deve ser utilizado apenas para o entretenimento, mas isso é um engano, pois, ela também por ser usada para os negócios, e é uma grande forma de se aproximar do público e se diferenciar. 

Conte a história da sua empresa, da criação dos seus produtos, das pessoas que trabalham na sua equipe, sobre o seu setor, enfim solte a criatividade. 

Por fim, vale ressaltar que dentro desse formato de podcast storytelling, existem algumas categorias como: audiodramas, documentários, histórias literárias, fatos históricos, e o famoso “true crime”, que faz muito sucesso nos Estados Unidos.

Se você quiser aprender um pouco mais sobre Storytelling aplicado para o marketing digital, clique aqui!

📰 Informativo / Jornalístico 

Tipos de Podcasts mais comuns

Freepik

Assim como o nome sugere, o objetivo desse Podcast é fornecer informações sobre temas atuais ou até segmentados por nicho. Ele funciona como uma espécie de noticiário, mas apresenta uma linguagem menos formal e mais dinâmica. 

Aqui o principal objetivo é ensinar e/ou atualizar as pessoas sobre um determinado assunto. 

Esse modelo de podcast possui uma estrutura específica que se aproxima muito do jornalismo e precisa de conhecimento técnico para extrair os conteúdos que são mais importantes em relação ao fato que se pretende divulgar. 

🔄 Reciclado / Adaptado 

E como já dissemos no começo do artigo, muitos programas de rádio e televisão estão aproveitando o conteúdo que produzem e adaptando para o modelo Podcast. 

Dessa forma, é possível distribuir esse material para um novo público, e ainda economizar tempo e recursos. 

Se você quiser aplicar esse formato no seu marketing digital, pense na seguinte questão:

Qual tipo de conteúdo eu já tenho produzido que pode ser adequado para um Podcast?

Pode ser uma palestra, um curso online, um webinar, seminário, workshop, entre outros. 

Contudo, após apresentar todos os tipos de podcasts mais comuns, vale ressaltar que você não precisa escolher apenas um modelo para compor o seu programa. 

É possível mesclar entre dois e três formatos diferentes, e deixar o Podcast mais personalizado. No entanto, isso precisa fazer sentido para a sua marca e estratégia de divulgação. 

Depois, de algumas publicações, analise os programas e veja o que mais agradou a audiência. Afinal, quando falamos de marketing digital as atualizações e melhorias devem ser contínuas!

Gostou desse artigo? Outro conteúdo que também pode ser útil pra você é esse: Como fazer um podcast?


Veja também esses materiais importantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-summit 2022