fbpx
Como fazer um podcast?
Dicas

Como fazer um podcast?

O podcast é um tipo de conteúdo no formato de áudio, disponibilizado por meio de um arquivo, que pode ser baixado, ou transmitido via streaming, ou seja, distribuído de forma digital, ao vivo por meio da internet, e pode ser acessado quando o usuário desejar. 

Eles lembram os programas de rádio, criados antigamente. No entanto, apresentam um assunto específico, são criados sob demanda e geralmente divididos em vários episódios.

Os podcasts podem ser escutados por meio do celular ou computador, o que contribuiu para sua popularização. Segundo dados do Ibope, cerca de 40% dos internautas ativos no país já ouviram algum tipo de podcast, o que representa 50 milhões de brasileiros. 

Atualmente as pessoas possuem uma vida mais agitada, cheia de tarefas, onde o tempo é coisa rara. Quando observamos o comportamento no ambiente digital, vemos os internautas gostarem de conteúdos rápidos e fáceis de consumir em um tempo menor.

Diante desse cenário, o podcast se tornou uma excelente ferramenta para consumir informações. Visto a facilidade de ouvir algum programa em qualquer momento do dia, como por exemplo: trabalhando, no carro, na academia, lavando louça, ou seja, fazendo qualquer tarefa sem ter que parar suas atribuições, como seria com um vídeo, por exemplo.

Os temas abordados por este tipo de formato são os mais diversos, tais como: informação, educação, arte, games, casos policiais, meditação, entre outros. 

Cada episódio dura um determinado tempo, que varia de 20 minutos a 1 hora, dependendo do formato, tema e número de pessoas participando do bate-papo.

No podcast o mais importante é que o conteúdo seja passado totalmente de forma clara e objetiva, sem ficar cansativo para quem está ouvindo. 

Apesar de ser uma ferramenta nova de comunicação, muitas empresas estão gerando oportunidades a partir do uso desse canal para os negócios, principalmente, quando falamos de autoridade e reconhecimento de marca. 

Se você ficou empolgado para utilizar esse canal na sua empresa, mas não tem ideia por onde começar, acompanhe esse post, vamos te apresentar um passo a passo para ter um podcast de sucesso. Ficou curioso? Então, vem com a gente! 

Como as pessoas ouvem podcasts?

Como fazer um podcast?

Freepik

Antigamente, para ouvir um conteúdo, as pessoas precisavam acessar um site de um fornecedor para dar o play ou baixar no computador, ou seja, uma forma muito manual e pouco funcional.

Desde 2004, essa realidade mudou. Adam Curry criou uma forma automática para que os conteúdos em áudios chegassem até as pessoas, através de um agregador de podcast, ou seja, um software que organiza e comunica quando há atualizações de conteúdos. E esse modelo tem adquirido cada vez mais adeptos e funciona até os dias de hoje. 

Veja a seguir alguns exemplos de plataformas de streaming para publicar podcasts: 

Para aparelhos Android:

Para aparelhos iOS:

Vale ressaltar que uma das principais vantagens do podcast é ter baixa transferência de banda e não consumir como nos vídeos, o que promove em uma economia no uso de dados das operadoras de telefonia móvel.

Agora que você já entendeu como funciona o podcast, chegou a hora de conferir quais são os benefícios que esta ferramenta pode trazer para as empresas. Acompanhe no tópico a seguir quais são elas. 

Por que minha empresa deve investir em um podcast?

Como fazer um podcast?

Freepik

O número de pessoas consumindo podcasts só aumenta a cada dia que passa, conforme já mencionamos anteriormente, mas existem diversos outros benefícios que essa ferramenta pode oferecer, veja no tópico abaixo alguns deles:

  • Gera confiança para a sua marca a partir de conteúdos de alta qualidade;
  • Apresentar algo diferente da sua concorrência;
  • Canal prático de ser consumido, o que facilita muito a vida das pessoas e contribui para sua popularidade;
  • Geralmente possui uma audiência fiel;
  • Possibilidade de abordar os mais diversos temas;
  • Ferramenta em crescimento, o que promove a geração de novas possibilidades de negócios.
  • O Brasil é o segundo país que mais consome podcasts;
  • A distribuição do podcast no país é realizada de forma descentralizada e existem inúmeros aplicativos para ouvir os programas;
  • Independência de grandes plataformas e suas regras de utilização e divulgação; 
  • Ferramenta com um excelente custo-benefício;
  • Possibilidade de criar parcerias interessantes para o seu nicho de atuação;
  • Simples de produzir. Gravar um vídeo é muito mais complicado do que gravar um podcast.
  • Estratégia humanizada, que facilita na formação de um vínculo com a audiência. 

Criar um podcast é muito mais fácil do que se imagina, mas algumas dicas e processos são fundamentais para ajudar no trabalho e garantir resultados positivos.

Passo a passo para criar um Podcast

Como fazer um podcast?

Freepik

Até aqui você já aprendeu como o podcast pode ser uma importante ferramenta para o crescimento do negócio. No entanto, ainda pode apresentar algumas dificuldades na hora de arregaçar as mangas e começar a criar os conteúdos.

Para te ajudar nesse processo, criamos um passo a passo com 12 dicas para tornar tudo mais simples, acompanhe 👇🏼

1- Defina uma tema

A primeira coisa que você precisa fazer para colocar esta estratégia em prática é definir um tema sobre o que você pretende falar.

Analise as preferências do seu público-alvo, tendo em vista que existem diversos nichos de mercado que podem interessá-los e estar relacionado direta ou indiretamente com o seu negócio. 

Veja o que a concorrência já está implementando, observe as ideias que estão tendo bom retorno e também sobre o que não deu certo. Produzir algo original também é um fator de grande importância nesse processo. 

Lembre-se que o tema definido será a sua carta na manga para atrair a atenção da audiência. Dessa forma, é necessário criar um conteúdo relevante em que o apresentador e os convidados precisam ter total domínio sobre o assunto. Se você possui uma empresa que comercializa produtos esportivos, por exemplo, precisa chamar pessoas que estão relacionadas a este nicho direta ou indiretamente. 

Caso as pessoas que estão ouvindo não sintam confiança nas informações que estão sendo divulgadas, provavelmente, elas vão desistir de acompanhar o seu podcast, e o resultado pode ser muito prejudicial para a sua performance. 

2- Escolha um formato

Em seguida, será necessário escolher qual formato de podcast você irá usar para a empresa. 

Atualmente, existem 6 tipos disponíveis, são eles:

  • Entrevista / Painel;
  • Discussões com apresentadores fixos;
  • Individual;
  • Storytelling;
  • Informativo / jornalístico;
  • Reciclado / Adequado.

3- Defina uma periodicidade

Depois, defina com qual frequência você irá produzir e publicar os vídeos do podcast. Você pode fazer isso semanalmente, quinzenalmente ou até mensalmente.

Isso vai depender do tempo de produção que você irá precisar para gravar e editar os conteúdos. 

Vale ressaltar que com o decorrer do tempo, o projeto pode sofrer modificações à medida que o podcast comece a ganhar audiência e reconhecimento. 

4- Escolha um nome para o Podcast

Agora chegou a hora de pensar no nome do seu Podcast. Uma decisão muito importante, tendo em vista que ele sempre será associado ao nome da sua empresa.

Procure escolher termos que tenham relação com a temática que será abordada. Aqui dê asas para a imaginação! 

No entanto, é importante que a sua audiência compreenda o assunto que será abordado, assim que ler o nome do podcast. Dessa forma, ela irá procurar os programas com mais interesse e objetividade. 

Após definir o nome, alguns cuidados são necessários, tais como:

  • Verificar se não existe nenhum outro podcast com o termo escolhido. Uma pesquisa no Google pode te ajudar nesse momento.
  • Conferir os concorrentes para ver se não tem nenhum com nomes parecidos, que possam ser confundidos pelo público-alvo.
  • Veja se existem domínios livres com o termo que você escolheu. 

5- Defina o número de participantes 

Dependendo do formato escolhido será necessário também definir se o podcast terá convidados ou quantos serão os participantes fixos. 

Chame pessoas que realmente entendam do assunto que você pretende abordar.

Nesse momento, as parcerias são muito bem vindas. Seja com marcas que mantêm relação direta ou indireta com a sua empresa, ou ainda com outros podcasters que possam contribuir com o conteúdo e audiência. 

Tome muito cuidado para não fortalecer concorrentes ou fazer parcerias que podem prejudicar a sua marca. 

6 – Crie um roteiro

Elabore um checklist ou uma espécie de roteiro com tudo o que será apresentado no episódio. Esse planejamento irá te ajudar muito na hora da gravação e edição.

Um roteiro bem completo, deve conter: 

  1. Vinheta de abertura.
  2. Apresentação dos locutores.
  3. Divulgação do tema do podcast do dia.
  4. Abertura sobre o assunto.
  5. Avisos iniciais.
  6. CTAs interessantes para o podcast ou marca.
  7. Bate-papo sobre o tema em questão.
  8. Encerramento.
  9. Vinheta final do programa. 

Você deve utilizar esse roteiro para não se perder no bate-papo, no entanto, não fique “preso” a ele, deixe a conversa fluir naturalmente desde que não extrapole o tempo planejado e o foco do assunto. Espontaneidade é tudo em podcasts! 

Fazendo um bom planejamento de conteúdo, será possível fidelizar a audiência com mais facilidade. Fique atento! 

7. Separe os equipamentos necessários

Agora chegou a hora de pensar nos equipamentos que serão necessários para a gravação do podcast.

Não precisa ficar receoso com os custos, pois, você não precisará de equipamentos muito sofisticados e caros para gravar o programa. Os itens indispensáveis nesse processo são: 

  • Computador;
  • Acesso à internet;
  • Headset com microfone de qualidade;
  • Um lugar tranquilo para gravar.

Caso o seu orçamento permita um pouco mais de investimento, você pode adquirir uma mesa de som, microfones profissionais e proteger o ambiente da gravação com isolamento acústico. Mas, eles podem ser adquiridos com o tempo, à medida que o podcast comece a ganhar audiência e traga retornos positivos para a sua empresa. 

8- Defina uma personalidade 

Para conquistar o público-alvo o podcast precisa ter um diferencial, ou seja, uma personalidade única. Onde o ouvinte irá identificar o áudio a partir do tom de voz ou elementos utilizados na edição.

Brincadeiras, ruídos, efeitos, frases ou até jargões podem ser aplicados nesse momento. 

9- Prepare a sua voz 

Antes de começar a gravar o podcast, procure preparar a voz, principalmente se for um período longo de duração.

Aqueça sua voz com exercícios básicos, e tome cuidado com a alimentação antes da gravação e mantenha a garganta hidratada bebendo bastante água.

Estes cuidados podem fazer toda a diferença no resultado final. 

10-  Grave

Antes de começar a gravar procure treinar. Pegue o roteiro e comece a ler os conteúdos em voz alta para treinar a voz e a entonação das palavras. Fale como se você estivesse produzindo o podcast. Depois escute o áudio e faça uma autoavaliação, mas nada de ser muito exigente como você, hein!

Se puder, peça para alguém ouvir e comentar sobre os pontos de melhoria que possam ser implementados. 

Depois, chegou a hora da verdade! Iniciar a gravação.

Você pode fazê-la de três formas: sozinha, com convidados reunidos presencialmente ou à distância com o auxílio das ferramentas digitais.

Se o seu podcast tiver apenas o apresentador fica muito mais fácil de gravá-lo. Basta ir para um ambiente mais silencioso e soltar a voz. 

Mas, se você optou pela participação de convidados, a gravação presencial pode ser feita de duas formas, tais como:

  • Cada participante fica com um computador e headset e grava o seu próprio áudio;
  • Utilizando apenas um microfone para captar todos os áudios e os participantes usam os seus próprios fones para acompanhar o bate-papo, com o auxílio de uma mesa de som.

Nesse último caso, será necessário juntar os áudios coletados para depois partir para a edição. 

Para fazer gravações à distância um fator primordial que precisa ser avaliado é a qualidade de conexão de todos os envolvidos. Pois, se houver instabilidade, o áudio pode ficar com ruídos ou pausas que prejudicam na qualidade do podcast. 

Existem diversas ferramentas que podem ser utilizadas para esta gravação, como o Skype, Zoom, Google Meet ou Audacity, que permite gravar e editar em um mesmo software. 

Lembre-se que para obter um bom áudio, todos os participantes do podcast precisam estar em um ambiente confortável e silencioso. Isso irá ajudar na hora de edição.

11- Edite 

Chegamos na etapa de edição! Se você nunca trabalhou com softwares semelhantes, pode sentir um pouco de dificuldade. Mas, não desanime, com o tempo esse processo vai ficar mais simples e prático.

Uma dica de ouro, é sempre guardar uma cópia do arquivo original antes de começar a fazer qualquer edição. Essa medida irá te ajudar caso aconteça algum problema

O processo técnico da edição irá depender do software que você escolher. A maioria deles tem um passo a passo que orienta os profissionais.

Siga as orientações em relação ao corte do áudio e retire as falas que achar desnecessárias. Fique atento também aos ruídos que podem aparecer.

Quando terminar a edição, exporte o projeto final para um arquivo em formato mp3. Selecione a qualidade de 96KBps, ela é excelente para um conteúdo em formato podcast. 

11- Publique

Para publicar o podcast a primeira coisa que você precisa fazer é escolher um serviço de hospedagem e distribuição.

Atualmente, existem diversos tipos de aplicativos que oferecem esse tipo de serviço. Mas, isso não significa que você precisa publicar cada episódio manualmente, em cada uma das plataformas.

Para isto, será necessário subir o vídeo em um distribuidor de conteúdo, ou seja, um feed RSS, que compartilha o áudio, imagem e descrição de cada episódio que será disponibilizado no Podcast. 

Existem diversos softwares que oferecem esse tipo de serviço, tais como:

Após a publicação do episódio no agregador, chegou a hora de subir o arquivo na plataforma de streaming. 

Independentemente do aplicativo ou site que você escolher, procure consultar o guia de orientações, eles geralmente fornecem um passo a passo para você publicar a mídia. 

As configurações básicas, geralmente incluem:

1º – Criar uma conta;

2º – Completar as informações de perfil;

3º – Ajustar as configurações de conteúdo;

4º – Enviar seu feed RSS;

Após subir o arquivo e seguir as regras determinadas pela plataforma, o podcast estará disponível para o público em um prazo de 2 a 5 dias. Você provavelmente irá receber uma notificação por e-mail quando o conteúdo estiver no ar! 

12 – Divulgue o podcast

O processo de divulgação é fundamental para o sucesso de um podcast. Até porque os ouvintes não vão cair do céu, não é verdade?

Por isso, crie uma estratégia para isso. Faça publicações nas redes sociais da empresa falando sobre o novo canal. Neste conteúdo, procure falar sobre o propósito e objetivo do podcast para a marca e quais serão os assuntos abordados, peça dicas para o seus seguidores, enfim, promova o engajamento. 

Envie e-mails para os parceiros e clientes com o mesmo conteúdo de lançamento. E procure fazer esse envio, sempre que houver episódios novos. 

Se for possível, procure criar uma página no seu site para o podcast, ou mesmo uma landing page. Assim, a empresa terá um local especial para receber estes ouvintes. 

Contudo, não se esqueça de manter no layout a identidade da marca! E deixe o site mais bonito e intuitivo possível.

Gostou desse artigo? Outro conteúdo que também pode ser útil pra você é esse: A importância da fotografia no marketing digital


Veja também esses materiais importantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *