E-mail marketing
Dicas

Como gerar leads pelas redes sociais e nutrí-los com e-mail marketing

Hoje em dia é possível captar leads, ou seja, pessoas interessadas pelos seus produtos, através de diferentes meios e as redes sociais não ficam de fora desse panorama. Facebook, Linkedin, Instagram e outras redes, já oferecem opções de campanhas especiais especialmente para esse fim. A pergunta que se faz é depois de captá-los, como nutrí-los, o e-mail marketing pode ajudar nisso ?

Captando e nutrindo leads

Como já mencionado anteriormente, os leads nada mais são do que pessoas interessadas em um produto de uma determinada loja. Eles podem ser captados de diversas maneiras, o princípio básico é que haja um campo em que eles possam oferecer seus dados, sendo minimamente nome e e-mail, para que depois possam ser enviadas comunicações via e-mail marketing.

É possível captar leads usando as redes sociais, como nos exemplos abaixo:

Redes sociais para a captação de leads

Instagram

Seja pelos stories ou pelo feed, o instagram te dá a opção de criar campanhas otimizadas para focadas na geração de leads.

Facebook

Se o instagram tem a sua própria plataforma de geração de leads, o facebook não ficaria de fora. A plataforma do Facebook Ads, também possibilita a criação de campanhas focadas nos leads tanto para Facebook como para Instagram.

Linkedin

O Linkedin tem sua própria plataforma de anúncios, o Linkedin Ads, através dele também é possível realizar campanhas otimizadas para a captação de leads. Esse tipo de campanha é extremamente relevante quando se tratam de negócios B2B.

Como nutrir os leads?

A melhor maneira de nutrir um lead é através de conteúdo. Enviar para ele aquilo que o interessa, é sempre relevante. além disso enviar comunicações que possam fortalecer a relação entre marca e possível cliente, também é uma estratégia interessante. Por isso, o e-mail marketing é tão importante dentro desse cenário.

Através desse meio, é possível enviá-lo de maneira direta, as informações que de fato o lead procura e comunicações especiais, assim as chances de convertê-lo serão cada vez maiores.

Tipos de comunicações para nutrir leads

Assim como em uma conversa normal, entre amigos, falar sempre da mesma coisa acaba sendo tedioso, por isso diversificar temas é algo importante para e engajar o público-alvo, existem alguns tipos de comunicações que podem ser usadas com o fim de nutrir os leads, como as dos exemplos abaixo:

Boas vindas

Logo depois do registro do lead na base de dados da marca, nada melhor que enviá-lo uma comunicação de “boas vindas”.

Isso faz com que o possível cliente se sinta parte da marca e também lhe dá uma confirmação extra de que seus dados foram armazenados.

Promoções

Não existe nada que agrade mais a um cliente ou futuro comprador, do que as promoções. Por isso, enviá-las aos leads é uma ótima alternativa, afinal, eles já tem um grande interesse pelo negócio ao qual forneceram os seus dados. Sendo assim para convertê-los será muito mais fácil.

Conteúdos de interesse

Se o negócio em que o lead se inscreveu é relacionado a “maquiagem” por exemplo, é interessante enviar conteúdos relacionados ao tema, indo além dos produtos que a marca proporciona, como por exemplo, neste caso poderiam ser tutoriais de como se maquiar, ou as cores de batom que serão tendência na próxima estação.

Enviar conteúdos, via e-mail marketing, que vão além dos interesses comerciais da marca para o possível cliente, faz com que a marca pareça mais natural, mostra que de fato ela quer estabelecer um relacionamento e se aproximar do lead de forma amigável, sem ser forçada.

Caso a marca tenha um blog, é uma ótima oportunidade para encaminhar o futuro cliente para essa página.

Algumas pessoas acreditam que encaminhar conteúdo para o cliente significa afastá-lo da conversão, porém, na verdade é uma maneira distinta de fazer com que haja mais interesse pelo produto através do material produzido e divulgado.

Aniversário

Está perto do aniversário de um lead ou chegou o dia exato? Esse é um período ideal para enviar comunicações de felicitações ou até mesmo um desconto especial.

Ao fazer isso a empresa demonstra para o futuro comprador que se lembrou dele e também aumenta a chance de convertê-lo.

Como automatizar o envio desses conteúdos?

Ao olhar para os diversos temas propostos para engajar os leads muitas se questiona muitos fatores, como por exemplo:

-Como enviar tantos e-mails com tantos temas diferentes para diferentes pessoas?

– Esses envios são feitos de maneira manual?

A resposta para essas perguntas é fácil, nada mais é necessário do que utilizar uma ferramenta de e-mail marketing ideal. Um exemplo, é a Mailify, com ela é possível automatizar os envios de newsletter para os leads. Assim podem ser criados os mais distintos tipos de cenários de envio de e-mail marketing.

Além disso a ferramenta oferece atendimento personalizado para os seus clientes e dispõe de recursos avançados, como análise preditiva de eye-tracking e o e-mail builder, que permite construir os layouts das newsletters de maneira fácil.

Conclusão

Unir as redes sociais para a captação de leads e o e-mail marketing para a sua nutrição é uma forma eficaz de atrair um cliente para a conversão. Quanto mais integrados estiverem os canais digitais, melhores serão os resultados para as marcas, por isso é sempre importante na hora de realizar o planejamento de mídias digitais, pensar nas possíveis integrações, principalmente quando se trata dos dois canais mencionados.

Diversificar a comunicação para se comunicar com o lead é uma boa medida para manter e fortalecer a relação, sem se tornar tedioso para ele.

Além de tudo, é importante lembrar que independente do canal, cada ponto de contato da marca com o seu público alvo é uma ação de branding, por isso manter a mesma linguagem no e-mail marketing e nas redes sociais é primordial para que as ações tenham bons resultados.

Sendo assim, utilizar as distintas redes sociais para gerar cada vez mais leads e enviar conteúdos relevantes através das newsletters é uma estratégia imprescindível dentro dos meio digitais, por isso é necessário estar sempre preparado para integrar ambos os meios e utilizar as melhores ferramentas para facilitar o gerenciamento de campanhas.

Texto escrito por: Andressa Gonçalves de Almeida. 

Veja também esses materiais importantes