Black Friday 2020: Como se preparar?
DestaqueDicas

Black Friday 2020: Quando será? Como se preparar? E muitas dicas.

A Black Friday, que ocorrerá neste ano no dia 27 de novembro, vem cheia de incertezas devido a pandemia, principalmente em razão da situação econômica atual, que tem afetado a vida de muitos consumidores. No entanto, isso não é motivo para que os varejistas não invistam nas melhores estratégia para alavancar suas vendas.

Afinal, pelo fato de muitas empresas apostarem nas vendas online motivados pelo isolamento social, o perfil dos clientes tem mudado, tendo em vista que eles se encontram cada vez mais presente no meio digital, e a expectativa é que essa prática só aumente no decorrer do tempo. Então, é importante se adaptar às principais mudanças para se destacar entre os concorrentes e aproveitar dessa grande oportunidade de retomada do negócio.

Pensando nisso, elaboramos mais este conteúdo para explicar os principais pontos sobre o assunto. Acompanhe!


Como é possível se adequar a essa nova realidade?

Com o avanço da tecnologia e o crescimento considerável das compras online, é importante que na Black Friday os comerciantes aproveitem das ferramentas disponíveis, como as plataformas online, para possibilitar o acesso dos clientes aos produtos e serviços de forma prática, rápida e segura.

Isso porque, com a pandemia o comércio digital ganhou milhões de novos consumidores e não inovar pode fazer com que a empresa fique para trás e deixe de lucrar. Veja a seguir algumas dicas de medidas que podem ser aplicadas para adaptar-se à nova realidade, agregar valor no mundo online e, ainda, manter os clientes no mundo físico.

Atente-se às vendas online

Não há dúvidas que a Black Friday sempre teve uma presença forte do ambiente digital, sendo conhecida como um evento importante de compra na internet. Contudo, o esperado é que essa prática seja ainda maior no ano de 2020, já que a crise vivenciada pela pandemia gerou uma mudança relevante nos hábitos de consumo.

O esperado é que a maior parte do público realize suas compras de forma online, continuando essa perspectiva criada durante a crise. Então, para adquirir os resultados esperados, é necessário que o negócio invista nos mais variados canais, como redes sociais, e-commerce, aplicativos, entre outros modelos capazes de aumentar o alcance dos clientes em relação à marca.

Conte com o acesso mobile

Os aplicativos mobile também podem ser visto como uma nova chance para se aproximar dos consumidores durante a pandemia, considerando a simplicidade que esse recurso oferece para que consigam acompanhar promoções, ofertas, novidades, entre outros, tornando o atendimento mais personalizado.

Além disso, é possível utilizar o aplicativo para compartilhar sugestões e ajudar para que o cliente faça as melhores escolhas, por exemplo, por meio da utilização do WhatsApp e demais ferramentas de mensagem.

Outra opção é a permissão de notificações e geolocalização, fazendo com que os usuários recebam cupons customizados, aviso de um produto que atenda a sua demanda e, também, otimize sua jornada de compra com a opção de escolher a loja física para a retirada das compras realizadas.

Forneça conteúdos especiais

Nos casos em que o cliente ou potencial consumidor prefira fazer as compras pela internet e fique grande parte do seu dia online, é fundamental identificar as melhores maneiras de alcançá-lo nos dias de Black Friday 2020 e estimular o seu desejo de compra.

Nesse caso, é importante aproveitar esse momento para utilizar uma ferramenta potente de marketing digital, como a criação e fornecimento de conteúdos de qualidade e que interessem aos usuários, nos mais diversos canais online, como a rede social ou e-mail marketing.

Entre os principais diferencias dessa estão o desenvolvimento de uma relação mais próxima entre empresas, clientes e futuros consumidores. Isso faz com que, mesmo após a Black Friday, a marca seja lembrada e os propósitos do negócio sejam atingidos a médio e longo prazo.

Implemente estratégias de marketing digital

As ações de marketing digital são essenciais para a busca da empresa em se destacar na internet e chegar a resultados incríveis, tanto na captação de leads quanto na conversão em vendas. Entre as principais práticas que podem ser utilizadas estão:

  • captação de leads em ações pré-Black Friday, por exemplo, envio de e-mails alertando sobre as promoções e ofertas;
  • aplicação de SEO para otimizar o desempenho das ferramentas de busca;
  • destaque para o evento nas páginas das redes sociais com a finalidade de promovê-lo, fazendo com que os seguidores estejam atentos a esse dia;
  • elaboração de uma lista de transmissão no aplicativo WhatsApp para leads e clientes. Nesse caso, é fundamental perguntar aos usuários de forma prévia se eles aceitam participar desse canal, evitando transtornos que podem impactar negativamente na campanha.

Aposte na live shopping

Um mecanismo que cresceu bastante durante o tempo de isolamento social foram as lives. Por este motivo, o formato live shopping pode ser vista como uma tendência forte para a participação na Black Friday.

Antes de qualquer coisa, vamos explicar melhor o que é uma live shopping: representa uma produção que junta conteúdo relevante e entretenimento para os clientes, onde é possível que todos interajam durante o evento para esclarecer qualquer tipo de dúvidas, realizar compras/vendas ou receber dicas.

Então, essa busca da empresa em se relacionar e entender melhor as necessidades dos clientes gera um desejo de consumo, o que leva ao aumento das possibilidades de fechamento de vendas. Os resultados podem ser ainda melhores caso seja possível contar com influenciadores digitais como parceiros, o que pode aumenta o alcance do conteúdo e levar a uma visibilidade interessante para a empresa e os produtos e serviços oferecidos.

Agora que você já sabe como a Black Friday pode contribuir para a conquista dos clientes, o aumento de vendas, visibilidade e impulsionamento do negócio, é importante tomar todas as medidas necessárias para atrair o cliente e motivá-lo a comprar tudo aquilo que ele está precisando por um preço mais justo.

Conseguiu esclarecer suas principais dúvidas sobre o assunto? Então, aproveite sua visita no blog para ler “T-commerce o que é e como funciona” e entenda melhor sobre o tema!

Veja também esses materiais importantes