fbpx
Entenda o que é metaverso e sua importância para o futuro
Tecnologia

Entenda o que é metaverso e sua importância para o futuro!

Bem-vindo ao Metaverso! ♾️ Desde que Mark Zuckerberg, CEO do Facebook, anunciou a mudança de nome da empresa para Meta e os planos de incluir essa tecnologia que junta realidade virtual à realidade aumentada na plataforma, muito tem se falado sobre esse tema! 

Algumas pessoas, inclusive, acreditam que o empresário que inventou esse conceito. Mas, isso é um grande equívoco, pois, o termo metaverso é antigo e provavelmente você já deve ter visto por aí alguma aplicação dessa tecnologia. 

Mas o que fazem? Onde vivem? Como se reproduzem? 😂😂😂

Brincadeiras à parte, vamos falar nesse artigo sobre como surgiu este conceito e como essa tecnologia funciona na prática. 

Curtiu? Então vem com a gente! 🤩

O que é metaverso? 

Entenda o que é metaverso e sua importância para o futuro

Freepik

Antes de mais nada é necessário compreender melhor o significado desse termo que se tornou popular recentemente. O prefixo “Meta” vem do grego e significa “além de” ou “depois de” e “verso” vem de “universo”. 

Ele foi utilizado pela primeira vez no livro de ficção científica “Snow Crash”, criado pelo escritor americano Neal Stephenson, em 1992. A obra contava a história de dois entregadores de pizza que viajavam pelo metaverso (uma espécie de sucessor evoluído da internet) para se salvarem. 

Após algum tempo depois, o termo “pegou” e começou a ser utilizado pela indústria de tecnologia e entretenimento.

Atualmente, podemos definir metaverso como um universo virtual compartilhado, criado pela convergência entre a internet, com experiências imersivas, interativas  e muito realistas, com possibilidade de ações mais naturais e elementos do cotidiano. 

Complementando, trata-se de um ecossistema vasto que pode incluir aspectos de rede social, games e até criptomoedas.

Sendo assim, o blockchain pode assumir um papel muito importante na construção e desenvolvimento do metaverso, implantando uma economia própria dentro desse ecossistema. 

Como o metaverso funciona na prática?

Entenda o que é metaverso e sua importância para o futuro

Freepik

Imagine você acordando de manhã no conforto do seu home office, tomando um café, colocando um óculos e sendo “conduzido” para um evento mega importante da sua empresa em outro estado ou até país. E nessa experiência, você encontra os seus colegas de trabalho e líderes, representados por avatares, e troca diálogos com eles. É exatamente isso que o metaverso quer proporcionar! 

Para contextualizar ainda mais, você já assistiu ao 🎬 filme Matrix? Lembra dos conjuntos de tecnologias usadas no longa que criavam um universo alternativo e virtual com diversos tipos de interações? Esse é um excelente exemplo de metaverso, no entanto, atualmente ainda não é possível criar algo tão real e complexo como no filme. 

Mas, como tudo isso começou? 🤔

Podemos dizer que a primeira grande aplicação prática utilizando o conceito de Metaverso, surgiu no jogo Second Life, lançado em 2003. O game cumpria todos os requisitos desta proposta, oferecendo aos jogadores um espaço virtual interativo, com avatares personalizados e socialização entre os usuários. 

Mas, essa tecnologia nos jogos foi evoluindo com o tempo. Recentemente, o game Fortnite juntamente com a artista Ariana Grande, forneceram aos jogadores uma experiência imersiva, onde após chegarem em uma determinada fase, eles teriam acesso para participar com seus avatares de uma apresentação da cantora, como se todos estivessem presencialmente no cenário do jogo. Surpreendente, né!! 😱

Vale lembrar que essa não é a primeira vez que isso acontece no Fortnite, em outros momentos, eles já usaram a plataforma para lançar produtos, exibir shows e até filmes. 

Voltando ao Mark Zuckerberg e seus projetos para o futuro, até o momento nada foi divulgado sobre o “plano metaverso” para as suas redes sociais. No entanto, os especialistas em tecnologia e marketing digital, acreditam que as interações devem mudar, para se tornarem mais imersivas e sofisticadas. 

E o empresário não está sozinho nesse projeto não! 😲 Gigantes como Nvidia, Microsoft e Google  também  estão desenvolvendo projetos que permitam criar seus próprios metaversos. Vamos aguardar os próximos capítulos!

Mas, não é apenas nos games, filmes ou nas redes sociais que esse conceito está sendo trabalhado. Muitas empresas estão buscando soluções criativas para aplicar esse universo virtual em situações do cotidiano, conforme ilustramos no exemplo acima.

E nesse desenvolvimento, não há limites! Veja esse outro exemplo👇🏼:

Suponha que você está procurando um tênis novo para treinar, mas não está disposto a sair de casa e ir até uma loja presencialmente. Então, você pede para sua assistente virtual, que pode ser a Alexia ou Google Assistant, para fazer uma pesquisa sobre o produto.

Em seguida, coloca o seu óculos de realidade virtual para ser “conduzido” a sua loja de preferência para procurar os modelos de tênis disponíveis. Posteriormente, o seu avatar experimenta o produto e você conclui a compra, sem sair de casa, ligar o computador e sem correr o risco de errar no tamanho ou conforto. Admirável né?

No entanto, apesar desta tecnologia ainda estar “engatinhando”. Algumas marcas já começaram a aplicá-la em estratégias de marketing e vendas. Veja a seguir algumas empresas que já estão “surfando na onda” do metaverso, confira: 

🗣️ Microsoft 

A empresa anunciou recentemente que a partir de 2022, vai oferecer para os seus usuários a possibilidade de participar de reuniões virtuais utilizando avatares através do Teams. 

Chamado de Microsoft Mersh, o recurso permitirá o uso de personagens customizados e animados, durante videoconferências ao vivo, quando os participantes não quiserem ligar a câmera. E não será preciso um equipamento específico para o uso, como um fone de realidade virtual, por exemplo. 

👟 Nike

Em 2021, a empresa lançou a Nikeland, loja dentro do jogo Roblox. E visando aumentar ainda mais a participação nesse metaverso, a Nike também divulgou a compra da Artifac Studios (RTFKT), especializada na criação de tênis e artefatos digitais. 

👚👕Lojas Renner 

Em parceria com a Fortnite, a magazine inaugurou uma loja dentro do game, com o objetivo de chamar a atenção do público. Para engajar ainda mais a audiência, a marca realizou uma enquete interativa para a escolha das estampas que farão parte da coleção que será vendida na loja. 

Por fim, é necessário ressaltar que nenhuma empresa ou pessoa pode controlar o metaverso, mas alguns especialistas comentam que tem “gigantes” por aí, tentando uma participação no futuro espaço, como: Google, Microsoft, Samsung, Sony e Facebook, que se uniram um consórcio para buscar “modelar” este novo universo. 

E você está preparado para o metaverso? 🤔

Participe do E-Summit 2022! E aprenda muito + sobre esse tema.👏🏻

Vai rolar muito bate-papo sobre tecnologia, marketing digital e mídias sociais. Inscrições LIMITADAS!! Garanta a sua vaga aqui!


Veja também esses materiais importantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *