fbpx
Como criar artes perfeitas para redes sociais?
DicasRedes Sociais

Como criar artes perfeitas para redes sociais?

Antes de iniciar um conteúdo com muitas dicas imperdíveis (alerta de spoiler), quero deixar um questionamento para os designers de plantão, então me digam: O que seriam artes perfeitas para redes sociais? 

Acredito que entre os milhões de pensamentos que habitam as mentes dos criativos, palavras como “cores”, “harmonia” e “padrão” tiveram destaques. E realmente, esses são um dos pilares básicos, mas não são os únicos. Não existem regras claras que devem ser seguidas à risca, porém há princípios e métodos que quando utilizados têm o poder de melhorar seus layouts.

Afinal, vivemos em um mundo cada vez mais digital e concorrido, uma vez que o Brasil é o terceiro país que mais consome conteúdo nas redes sociais. Portanto, se você quer ter sucesso nas redes sociais, não só precisa ser visto, mas também compreendido.

Freepik

Quais são os princípios do design e como utilizá-los nas redes sociais?

Segundo a escritora Robin Williams em seu livro “Design para quem não é designer”, existem pelo menos 4 princípios do design que prometem nortear o criador, sendo eles:

  • Proximidade

    Diz respeito à quando os elementos são relacionados, devem ser agrupados entre si, buscando tornar-se uma unidade visual. O maior propósito é organizar;

  • Alinhamento

    Neste ponto, é importante entender que nada deve ser colocado de forma aleatória num layout. Deve haver uma ligação entre um elemento e outro para que a arte fique limpa e mais agradável visualmente. Mas não fique na zona de conforto ao usar apenas o alinhamento centralizado na arte, arrisque-se também nos alinhamentos à esquerda e direita para artes diferenciadas;

  • Repetição

    Pode ser considerada como “consistência”. Fala sobre momentos em que deve-se usar os mesmos elementos mais de uma vez na arte, sejam eles ícones, figuras, textura ou até mesmo a cor. Utilizar repetições facilita a organização e reafirma as unidades da arte. Por exemplo, os tópicos dessas dicas aqui são repetições que te direcionam um a um para as informações passadas sobre os 4 princípios do design. Apenas evite repetir muitas vezes o mesmo elemento para, ao invés de ter ‘artes perfeitas para redes sociais’, acabar criando uma peça cansativa e até mesmo confusa;

  • Contraste

    Quando não há contraste, há conflito, então, se 2 elementos não são exatamente os mesmos, diferencie-os. Destaque determinados elementos para que não tenham todos o mesmo peso. Faça isso alterando tamanho, cor, formatos e até mesmo a espessura do texto.

Além dos princípios abordados por Robin, existem outros aspectos que fazem a arte ficar ainda melhor, entre eles estão:

Buscar Referência 

Não deixe o bloqueio criativo te impedir de criar artes perfeitas para redes sociais. Buscar ideias é essencial para a construção de uma arte, mas lembre-se, são apenas referências, e não cópias. Atente-se para que sua criação não fique muito parecida com projetos criados por outras pessoas.

Tamanho da imagem

O tamanho varia de acordo com a rede social. No Instagram, por exemplo, você consegue publicar em formato quadrado, vertical ou horizontal. Mas se você tem dúvidas em qual tamanho utilizar, conheça o Pack para Redes Sociais da Etus, nele você tem acesso gratuito a vários materiais que vão te orientar dentro das mídias sociais, entre eles:

  • Dimensões de redes sociais;
  • Como criar sua persona;
  • Ícones para redes sociais;
  • Modelo de contrato editável;
  • Calendário com datas sazonais;
  • E-books: Você conhece as redes sociais? / Indicações para 2022.

Hierarquia

Para um bom post, é importante usar um padrão hierárquico para suas informações, atribuindo pesos coerentes para determinados elementos, sempre dando mais peso para informações mais importantes e menos peso para informações menos relevantes.

Uso da Tipografia

O uso da tipografia é importante, desde o tamanho, cor do texto, espaçamento entre linhas e letras, até mesmo o modelo da fonte. Nada de “Comic Sans”! Invista alguns minutos e procure uma fonte ideal para sua arte. E se seu cliente já possui um branding e uma linha editorial para as redes sociais, apenas mantenha o uso da fonte escolhida e siga o que for proposto no briefing.

Lembre-se também de evitar misturar muitos modelos de fontes. Essa prática pode poluir a arte e pesar na qualidade da entrega do seu trabalho. Inove, mas faça escolhas conscientes. 

Psicologia das cores

Assim como na tipografia, a escolha das cores utilizadas nas suas artes pode impactar diretamente no resultado final. Se o seu cliente tem uma paleta de cores para utilizar, não fuja dela. Mas se a liberdade criativa está em questão, lembre-se sempre de manter um bom contraste para dar legibilidade aos elementos. 

Além disso, vale a pena frisar que cada cor tem um significado atrelado a si. Cheque sempre se a cor que pretende utilizar na arte faz jus ao proposto pelo cliente em briefing.

Copywriting

Se você é um profissional que gerencia toda a rede social do seu cliente, o processo de escrever a legenda da publicação deve estar atrelado à arte. Eles devem conversar entre si, deve haver uma sintonia que conecte aquilo descrito na copy com os elementos usados em arte.

Saia da caixa para criar artes perfeitas para redes sociais

Se inspirar é sempre bom! Seguir as metodologias básicas da criação é fundamental! Mas só você tem o poder de expressar toda a criatividade que sente. Use as orientações ao seu favor, junte toda criatividade que você desenvolveu ao conhecimento que atribuiu ao longo dos anos. Assim, você consegue ter criações dignas de muitas interações, afinal, nós artistas curtimos um like. 

Conseguiu esclarecer suas dúvidas sobre a criação de boas artes para as redes sociais? Então, assine nossa newsletter e receba os conteúdos diretamente no seu e-mail!


Veja também esses materiais importantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *